Seguir este Blog por e-mail

quarta-feira, 29 de junho de 2011

MEA CULPA - ABRIL DE 2004

SE NÃO FUI SUFICIENTE,
SE NÃO ESTIVE À ALTURA...
SE NÃO AGRADOU A POSTURA.
SE NÃO FUI, CORRESPONDENTE,
AS TUAS EXPECTATIVAS.

SE EU FERÍ SENTIMENTOS,
SE, SEM QUERER MAGOEI,
SE NÃO RESTARAM BONS MOMENTOS,
SE SÓ LEMBRAREM QUE ERREI.

SE ME FALTOU MAIS RIQUEZA...
SE MINHA ALEGRIA NÃO BASTA,
SE JÁ NÃO HÁ MAIS BELEZA,
E A SAÚDE SE AFASTA...

PERDÃO, POR TER PARTILHADO UM MINUTO,
PELAS FRASES DITAS, O SILÊNCIO EGOÍSTA...
A PRESENÇA E A AUSÊNCIA,
E POR FIM! PEÇO, ATREVIDO:
QUE ME JULGUEM COM CLEMÊNCIA.
POR SER EU... E TER VIVIDO.

4 comentários:

Fernandinha disse...

Belo poema, doutor Dartagnan!

Dartagnan Fireman disse...

Vindo de uma Jornalista tão prestigiada é muito significativo pra mim. Obrigado, de coração.

Fernandinha disse...

Fiz um elogio merecido, pelo bom gosto q o senhor tem.

Fernandinha disse...

So fiz um comentário merecido ao poema, que é mto belo!